© 2018 por LUIS LIMA. 

BIOGRAFIA

“Sou filho do tempo e pelo tempo afora me debrucei na construção da minha coleção de letras. letra a palavra pela mente de giração... sou amador poético, feitos em poesia somos todos nós. aprendi a fazer, desfazer e a refazer músicas, num instante tive medo de cantar... me descobri arrumador de palavras, o meu melhor oficio nesse tear chamado arte...” 

Luis Lima não sabe se é carioca ou baiano, mas sabe a terra mãe que lhe pariu, São Luis.

 

Na Bahia, quem lhe iniciou na música foi o tio João Só, autor da clássica “Menina da ladeira”. No Rio de Janeiro, por mais de 20 anos, seu principal parceiro é o poeta e museólogo Mário Chagas. De lá vem sua história de “Carreatas da Cultura” e grupo de poetas fazendo arte nas favelas.  No Chile, compôs o grupo “Caboclos” com músicos chilenos.  

 

No Maranhão, desde 2004, tem participado de festivais e mostras de música. Gravou dois CDs independentes: “Palavrando” (2007) e “Expresso de Letras” (2010), ambos com arranjos do maestro Henrique Duailibe e artes gráficas de Claus Alves da Silveira.

O seu blog de poesias gerou seus livros “Arrumador de palavras”, de 2012, e “Mente de Giração”, de 2016. Ambos com o design gráfico de Claus Alves da Silveira. 

 

É idealizador do Casa d’Arte Cultura de Cultura, em Raposa, MA, para congregar e abrigar artistas e criativos propiciando espaço de registro e difusão da cultura.